terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Teresa não recebeu o diploma

O deputado Ricardo Murad após ter sua candidata derrotada nas eleições de Coroatá em outubro, a esposa Teresa (sem o Murad), cuidou de espalhar pela cidade, dia após dia, que o candidato reeleito Luis da Amovelar não receberia o diploma, pois ele (o deputado) havia recorrido na justiça ao resultado das eleições.

Os fanáticos, menos esclarecidos, pelo deputado comemoravam diariamente esperando a redenção da candidata. Enquanto isso o deputado e sua esposa, que continuou no município por muitos dias após o final da eleição para compromissos de praxe, usava isto como desculpa para enganar os inúmeros fornecedores e prestadores de serviços que haviam contratado durante a campanha eleitoral e não tinham dinheiro ou não queriam pagar.

Acontece que a diplomação de Luis da Amovelar ocorreu na semana passada e agora o deputado diz em seu blog que o prefeito de Coroatá poderá ter o diploma cassado caso a Representação Eleitoral 35, da Coligação "Unidos para a Vitória" tenha parecer, que já está com data marcada, do Ministério Publico favorável aos interesses do deputado. A decisão do juiz sairá logo após o parecer do MP.

Para quem não está lembrado, este é o processo no qual o prefeito Luis da Amovelar está sendo acusado de compra de votos, e todas as vezes que era chamado para depor no Fórum de Coroatá saia nos braços do povo até a porta de seu comitê de campanha.

O Deputado Ricardo Murad passou os últimos quatro anos dizendo que Luis da Amovelar teria o mandato cassado e não foi e passará o próximo mandato dizendo o mesmo, ele está no seu direito de espernear... Esperneie deputado é o seu direito.

Leia o blog mentiroso de Ricardo Murad, onde ele diariamente ataca o governador Jackson Lago e seus aliados: http://deputadoricardomurad.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário