quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

No Maranhão Projovem não emplaca

Como já havia antecipado neste blog, o Projovem não recebeu adesão esperada nas cidades maranhenses. Coroatá, por exemplo, tem mais de 300 das 400 vagas ofertadas. O insucesso do Projovem nas cidades maranhenses fez com que a Secretaria de Estado de Esporte e Juventude adotasse uma nova estratégia para divulgação do programa. Estarão sendo realizadas nestas cidades, com a presença de representantes do estado (gerentes), o que está sendo chamado de “maratona”. A intenção é uma maior aproximação com jovens que tenham o perfil exigido pelo programa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário